Sua segurança de dados está segura com as impressoras ?

Para muitos ainda é novidade que impressoras também podem sofrer o risco de ataques, as impressoras são cruciais hoje no trabalho do dia a dia de todas as empresas e com isso as empresas investem em inúmeros sistemas de segurança para proteger essas ferramentas podemos comparar as impressoras com computadores e dispositivos móveis como Smartphone e Tablet, e que todos estão sujeitos a vários tipos de ataques cibernéticos.

Hackers e programas maliciosos identificam a vulnerabilidade para comprometer não apenas o aparelho, mas a rede de dados de uma empresa inteira, viabilizando o acesso a informações confidenciais, já que impressoras e multifuncionais são muito parecidas com computadores, possuindo memória, processador, sistema operacional, que executam aplicativos e até acessam a internet.

A impressora pode ser um ponto de entrada para coletar as credenciais da rede de uma organização e ganhar níveis ainda maiores de acesso às informações da rede, também é possível capturar documentos potencialmente sensíveis enquanto eles são enviados para a impressora e podem ser bloqueadas por ataque DDoS ou serem resetadas para seus padrões de fábrica.

A proteção para esse tipo de ciberataque e preciso considerar equipamentos que possuam proteção na camada de hardware e software, com níveis de proteção que não permitam modificação na BIOS, nem executar aplicativos não assinados pelo fabricante.

Caso algum aplicativo malicioso esteja na impressora, toda a segurança da empresa pode estar comprometida sendo que as impressoras estão conectadas a rede com a acesso ao servidor de domínio, banco de dados e e-mail, as impressoras tem evoluído e agora possuem sistema operacional com características muito parecidas com as multifuncionais mesmo não possuindo uma navegação completa como a de computadores.

O que pode indiciar um problema:
  • Alterações inexplicadas não autorizadas nas definições de configuração.
  • Dispositivos que utilizam mais tempo e largura de banda do que o normal.
  • Aumento de comunicações com endereços IP ou de e-mail desconhecidos.
Para combater estes problemas, as empresas devem garantir o seguinte:
  • As Impressoras devem estar sobre a proteção de um firewall da empresa, assim como os servidores e todos os outros dispositivos da rede.
  • Não se deve permitir que dispositivos que não sejam da empresa sejam ligados à rede para imprimir.
  • Deve ser adotado um cronograma para revisão e implementação de atualizações de firmware.
  • As opções de configuração de segurança da informação oferecidas pelo dispositivo, devem ser avaliadas e implementadas.
  • Deverá utilizar-se um software que permita uma gestão holística e proativa das políticas de segurança da empresa.

 

Fonte: Profissionais TI

 

Sobre a Webglobe
A Webglobe realiza a gestão da infraestrutura de tecnologia de empresas, alinhando a tecnologia com os negócios dos nossos clientes para gerar melhores resultados.

Nosso fluxo de trabalho é baseado em processos e nossa gestão é apoiada nas boas práticas de ITIL e COBIT, permitindo entregar serviços gerenciados de tecnologia com qualidade, segurança e previsão de investimentos.

Visite: webglobe.com.br